Exposição “Desenhos Assombrados” de Tadeu Lobato, Museu Casa das Onze Janelas


DESENHOS ASSOMBRADOS
A exposição é composta por desenhos e vídeos, o artista realiza um diálogo direto com os trabalhos do ilustrador americano Edward Gorey. Tadeu Lobato toma como referência o livro de Gorey, Alfabeto Macabro, realizando sutis interferências nas imagens e estabelecendo um jogo conceitual de nonsense com o ilustrador. A idéia é realizar uma espécie de storyboard, numa concepção que propõem um não tempo ou mais precisamente um tempo fora do nosso tempo. Há uma cumplicidade entre o artista e o ilustrador, são afinidades substanciadas pelo humor carregado de ironia. Tadeu Lobato faz uma reflexão sobre o mundo contemporâneo, sobre uma inocência perdida, sobre as contações de histórias para embalar um sono intranquilo.

 

 

SERVIÇO:

Título da exposição: Desenhos Assombrados.

Artista: Tadeu Lobato
Local: Espaço Cultural Casa das Onze Janelas. Laboratório das Artes
Data de abertura: 27 de setembro, às 19h
Período da exposição: 27 de setembro até 02 de dezembro.

Horário de visitação: Terça a sexta das 10 às 18h. Sábado, domingo e feriado das 10h às 14h

Prêmio de Artes Visuais divulga 4 selecionados

O Banco da Amazônia divulgou o resultado final do Prêmio de Artes Visuais 2012. Foram quatro selecionados que ocuparão as instalações do Espaço Cultural no período de maio de 2012 a fevereiro de 2013.

Para o prêmio foram selecionados quatro projetos: “Outra natureza” do artista plástico Fernando Hage; “Panorama da Arte Digital no Pará” do artista plástico Ramiro Quaresma; “Mosaico Inflamável” de autoria do artista plástico Francisco Pacheco; e “Amazônia, esfinge II” do artista visual Sávio Luiz Stoco.

A exposição “Outra natureza” reunirá obras de artistas que tem se destacado no cenário local e nacional. “Panorama da Arte Digital no Pará” apresenta problemáticas que surgem das crescentes reinvenções tecnológicas. “Mosaico Inflamável”, de autoria do artista plástico Francisco Egon da Conceição Pacheco, apresenta obras produzidas com embalagens de maços de fósforo, rótulos, caixinhas e palitos usados. Tem como proposta o estímulo e a reflexão sobre o complexo contexto geopolítico do Brasil e da Amazônia

O último projeto a ser contemplado pelo edital foi “Amazônia, esfinge II” do artista visual Sávio Luiz Stoco. O artista apresenta na exposição a sequência do documentário terceiro milênio (1978) de Jorge Bodanzky e conta com diferentes técnicas e suporte, entre eles painéis fotográficos, em madeira revestidos por fotografias impressas em tecidos e obras literárias.

Os projetos recebidos foram analisados por uma comissão avaliadora  composta de artistas visuais convidados para desempenharem o papel. O evento é uma realização do Banco da Amazônia e o período para a habilitação dos projetos vai até o dia 30/04/2012, publicado no edital disponível no site do Banco: http://www.bancoamazonia.com.br.

(DOL, com informações da Ascom Basa)