Exposição “Restos Manicomiais… até quando?”

A exposição “Restos Manicomiais… até quando?” está acontecendo no CAPS Renascer, localizada na Tv. Mauriti próximo à Duque, até o dia 23 de junho, quando segue para o Tribunal de Justiça do Estado, permanecendo exposta no hall da Vara de Execuções Penais até o dia 01 de julho. Ambos funcionam das 8h às 18h.

As imagens foram produzidas por 18 internos do Hospital de Custódia e Tratamento Psiquiátrico, de Santa Izabel do Pará, a partir de oficinas de xilogravura (gravura em madeira) e fotografia (pinhole e pinlux) ministradas por artistas de Belém. As oficinas foram organizadas como parte de minha pesquisa de doutorado, a qual tem como tema o processo de institucionalização e desinstitucionalização das pessoas em medida de segurança, i.e., pessoas diagnosticadas com transtornos mentais que entraram em conflito com a lei. A pesquisa pensa a arte como instrumento político disruptivo e tático para dar visibilidade a estes invisíveis e busca provocar discussões e reflexões capazes ou não de deslocamentos na nossa maneira de pensar a loucura e sua relação com o crime.

A exposição deve passar até agosto pelo curro velho e algumas secretarias, como sespa e sejudh, além da susipe.

Fonte: Alyne Alvarez (texto e imagens)